Diretor executivo da ONU Meio Ambiente deixa o cargo nesta quinta-feira

20 novembro 2018

Decisão foi confirmada pelo secretário-geral; diretora executiva adjunta, Joyce Msuya, da Tanzânia, ocupa interinamente o cargo até ser encontrado substituto.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, aceitou esta terça-feira a demissão do diretor executivo da ONU Meio Ambiente, Erik Solheim.

A informação foi confirmada pelo porta-voz do chefe da ONU. A demissão entra em vigor na quinta-feira, 22 de novembro.

Solheim visita o Taj Mahal, na Índia, no Dia Mundial do Ambiente. , by ONU Meio Ambiente/Ishan Tankha

Serviço

Segundo o porta-voz, Guterres “é grato pelo serviço de Solheim e reconhece que ele tem sido uma voz de liderança ao chamar a atenção do mundo para os graves desafios ambientais.”

Erik Solheim ocupava o cargo desde 2016. O secretário-geral destaca o seu trabalho contra a poluição e  plásticos e em defesa da ação climática, direitos dos defensores do meio ambiente, biodiversidade e segurança ambiental.

O chefe da ONU diz que Solheim “liderou a advocacia nos níveis mais altos do governo, empresas e sociedade civil para impulsionar a mudança transformacional necessária para fazer uma diferença real na vida das pessoas e promover a causa do meio ambiente.”

Substituto

A  vice-diretora executiva da agência da ONU, Joyce Msuya, da Tanzânia, ocupa o cargo de forma interina a partir de quinta-feira. Guterres afirma que Msuya “receberá todo o apoio necessário para garantir uma transição suave.”

O secretário-geral inicia agora um processo de recrutamento, em consulta com os Estados-membros, para encontrar um sucessor para Erik Solheim.

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud