Comentando retirada da Áustria, Assembleia Geral diz esperar “conferência forte” sobre pacto para migração
BR

1 novembro 2018

Presidente do órgão lembra benefícios do movimento de pessoas para várias sociedades e países; segundo agências de notícias, governo austríaco anunciou que não assinará compromisso internacional devido a questões de soberania.

A presidente da Assembleia Geral, María Fernanda Espinosa, disse que tomou conhecimento de que a Áustria não pretende assinar o Pacto Global para Migração Segura, Ordenada e Regular, “apesar de apoiar várias provisões” desse compromisso.

Falando a jornalistas, em Nova Iorque, a porta-voz da presidente do órgão, Monica Grayley, afirmou que Espinosa espera uma “forte conferência” em Marrakech, no Marrocos. A expectativa é que os países adotem o processo no evento marcado para dezembro.

Importância

Presidente da Assembleia Geral, María Fernanda Espinosa. , by Foto ONU/Kim Haughton

De acordo com a porta-voz, Espinosa considera que a migração é por natureza um desafio multilateral que requer uma ação global, daí a importância da conferência. Ela acrescentou que o Pacto Global “precisa de uma ação coletiva para abordar uma questão que, no fim de contas, pertence a todos”.

Para Espinosa, também deve ser lembrado “que a história da humanidade e das sociedades é uma história de pessoas em movimento e da migração”.

A presidente destaca ainda que “muitas sociedades e países têm sido beneficiadas pela migração. Ela destacou que aborda o tema com vários representantes de Estados-membros da ONU desde que tomou posse em setembro.

Soberania

Na quarta-feira, agências de notícias informaram que o governo austríaco disse que não assinará o compromisso por causa de preocupações com sua soberania.

A revelação foi feita pelo chanceler austríaco  Sebastian Kurz, que assumiu o cargo em dezembro passado. A Áustria exerce atualmente a presidência rotativa da União Europeia.

As Nações Unidas apoiaram as negociações do Pacto Global para Migração Segura, Ordeira e Regular e lideram a preparação do evento, que deve adotar o documento que não é juridicamente vinculativo.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud