ONU nomeia diplomata norueguês Geir Pedersen como novo enviado para a Síria

31 outubro 2018

Representante já trabalhou nas Nações Unidas, na China, no Líbano e nos Territórios Palestinos; secretário-geral expressou profunda gratidão ao mediador Staffan de Mistura, pelo seu papel para a busca da paz na Síria.

O diplomata norueguês Geir Pedersen será o novo enviado das Nações Unidas para Síria.

A nomeação foi anunciada esta quarta-feira, em nota emitida pelo secretário-geral António Guterres. O novo mediador foi até agora embaixador da Noruega na China e antes representou seu país junto às Nações Unidas.

Staffan de Mistura deixa o cargo por razões familiares, by ONU

Contributo

Pedersen substituirá Staffan de Mistura, que depois de quatro anos e quatro meses anunciou que deixava o cargo este novembro por razões familiares.

Na nota, Guterres reitera a sua mais profunda gratidão ao mediador que está deixando as funções “pelos seus esforços e contribuições para a busca da paz na Síria”.

Oriente Médio

Em 2005, o diplomata Geir Pedersen substituiu de Mistura como representante pessoal do então secretário-geral Kofi Annan no sul do Líbano. Pederson também representou seu país nos Territórios Palestinos.

Em 1993, o novo mediador integrou a equipe norueguesa que esteve nas negociações secretas de Oslo, que levaram à assinatura da Declaração de Princípios e ao reconhecimento mútuo entre a Organização de Libertação da Palestina e Israel.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud