Debates da ONU destacam progressos em África

18 outubro 2018

Secretário-geral disse acreditar que líderes africanos possam resolver os problemas do continente; Moçambique sublinha promoção de oportunidades e interesses comuns nas Nações Unidas.

A cooperação com as Nações Unidas é destaque na Série de Diálogos sobre África, que decorre na sede da ONU.

Centenas de representantes do setor privado, da sociedade civil, da academia, de fundações e de organizações filantrópicas lançaram ideias e experiências no evento. 

Compromisso

Falando em Nova Iorque, o secretário-geral da ONU, António Guterres, reiterou o compromisso da organização de trabalhar com a União Africana.

O chefe da organização disse acreditar que líderes africanos possam resolver os problemas africanos. Ele destacou que a base dessa parceria seria a solidariedade e o respeito mútuos, tendo como meta aproveitar o potencial das oportunidades atuais.

O evento pretende consolidar pontes e apoiar o trabalho em conjunto entre Estados e as organizações internacionais.

Falando à ONU News, o diretor do Escritório da Conselheira Especial do Secretário-Geral para África, Raul Cabral, disse haver grandes oportunidades  partilhadas nos painéis que antes eram conhecidos por Semana de África na ONU.

Conquistas

“A África quer mudar as ligações em termos de desenvolvimento. Temos de criar maiores condições de cooperação entre os países africanos, que já existe, mas podemos fazer mais. A ideia é mostrar o papel  que as Nações Unidas podem ter e no sentido de ajudar a divulgar aspetos positivos que continente tem. Há grandes conquistas. A África está decididamente numa escala ascendente. É um continente que está a desenvolver-se bem. Baixou o percentual de conflitos que havia, quando era conhecido como o continente de conflitos. Hoje há muito poucos conflitos no continente, comparado com outrora.”

No evento, o embaixador de Moçambique, António Gumende, disse acreditar na promoção de interesses comuns nas Nações Unidas. O país assume em novembro a presidência do Grupo dos Embaixadores Africanos junto às Nações Unidas.

Assista a entrevista completa com o diretor do Escritório da Conselheira Especial do Secretário-Geral para África, Raul Cabral.

Desenvolvimento

“É valioso para o nosso próprio trabalho de maneiras que, como membros do grupo africano e ao nos envolvemos em negociações, e na interação com os outros parceiros, partamos da base que eles também compreendem com alguma profundidade que as iniciativas e desenvolvimentos do continente.”

Em nome dos 193 Estados-membros, a presidente da Assembleia Geral, María Fernanda Espinosa, disse que é importante o papel das mulheres e dos jovens africanos para desenvolver o continente.

O encontro abordou o sucesso e os desafios na educação, no acesso aos empregos, na redução das desigualdades e na estabilização de Estados africanos.

Assista a entrevista completa com o embaixador de Moçambique junto à ONU , António Gumende.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud