Cultura reforça identidade cultural e promoção da paz em Moçambique

7 agosto 2018

Representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e  Cultura, Unesco, diz que Festival Nacional da Cultura é uma das ferramentas para celebrar a diversidade cultural do país africano.

Música, dança, teatro, gastronomia, fotografia, cinema e desfile de moda foram algumas das expressões culturais apresentadas na 10ª edição do Festival Nacional da Cultura. O evento ocorreu na província do Niassa, em Moçambique.

O festival teve música, dança, teatro, gastronomia, fotografia, cinema e desfile de moda., by ONU News/Ouri Pota

A 10ª edição inovou ao incluir palestras, numa colaboração com as universidades. A novidade foi elogiada pelo representante da Unesco em Moçambique, Djaffar Moussa Elkadhum.

Pesquisa

“A reflexão sobre os aspetos científicos e antropológicos ligados à cultura é claramente importante porque este festival é uma oportunidade para mobilizar a sociedade começando no distrito até ao nivel nacional. É importante para ligar também nos aspetos da pesquisa, da publicação científica e debates. Mas também na ciência e outros aspetos ligados à cultura.”

10ª edição do Festival Nacional da Cultura de Moçambique, by ONU News/Ouri Pota

Para além do reconhecimento da intervenção do mundo universitário nas pesquisas sobre a cultura, o representante da agência citou a importância do festival para a Unesco.

“Para nós é um momento de celebrar a diversidade cultural de Moçambique e fazer a promoção das industrias culturais e também o reforço da identidade cultural para a promoção da paz.”

Mulher

O representante da agência também elogiou a preocupação do governo em analtecer a mulher pelo facto da 10ª edição decorrer sob lema “A Cultura Promovendo a Mulher, a Identidade e o Desenvolvimento Sustentável.”

O tema do festival foi “A Cultura Promovendo a Mulher, a Identidade e o Desenvolvimento Sustentável”, by ONU News/Ouri Pota

“O emponderamento da mulher para o desenvolvimento das indústrias culturais seja uma oportunidade para promoção da sua representatividade na sociedade e também abordar e discutir todos aspetos ligados a mulher na cultura, aspetos da violência baseado no género e é importante no contexto do desenvolvimento sustentável do pais que é Moçambique”.

O FestivaL Nacional da Cultura compreende quatro fases, a dos postos administrativos, distrital, provincial que são de caráter competitivo e a fase nacional que é de caráter demonstrativo. O mesmo tem como objetivos a promoção e a consolidação da unidade nacional, a paz e a coesão social.

 

 

Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News 

Baixe o aplicativo/aplicação para  iOS ou Android

Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud