Mulheres já podem dirigir na Arábia Saudita BR

Gráfico do governo da Arábia Saudita explicando que as mulheres têm agora o direito de dirigir
Foto: Ministério das Relações Exteriores da Arábia Saudita
Gráfico do governo da Arábia Saudita explicando que as mulheres têm agora o direito de dirigir

Mulheres já podem dirigir na Arábia Saudita

Mulheres

Secretário-geral da ONU comemora mudança e espera que isso gere novas oportunidades; António Guterres reconhece os esforços das mulheres sauditas para conquista desse marco importante em prol da igualdade de gênero.

As mulheres da Arábia Saudita já não estão mais proibidas de dirigir e a notícia foi bem recebida pelo secretário-geral das Nações Unidas. António Guterres espera que a mudança “gere novas oportunidades para as mulheres” do país.

O fim da proibição começou a valer neste domingo. Em comunicado, Guterres aproveitou para “prestar tributo às mulheres da Arábia Saudita, pelos seus esforços em conquistar esse marco legal tão importante”.

Igualdade

O chefe da ONU acredita que ter mulheres ao volante ajudará na mobilidade econômica e social delas, além de contribuir para o desenvolvimento do país. António Guterres espera continuar “testemunhando a jornada da Arábia Saudita rumo à igualdade para mulheres e meninas”.