Candidatos à presidência da Colômbia assinam compromisso em prol dos direitos humanos
BR

26 maio 2018

Alto comissário da ONU elogia acordo  sem precedentes firmado pelos cinco presidenciáveis; eleições serão no domingo; Zeid Al Hussein acredita ser a primeira vez no mundo que um compromisso do tipo é assinado; Acordo sobre Direitos Humanos foca no respeito e na garantia dos direitos humanos.

O alto comissário da ONU para os direitos humanos disse neste sábado que um acordo firmado pelos cinco canditados à presidência da Colômbia é “sem precedentes, impressionante e comovente”.

Zeid Al Hussein se refere ao “Acordo sobre Direitos Humanos”, preparado pelo Escritório de Direitos Humanos da ONU na Colômbia e assinado pelos cinco presidenciáveis. As eleições acontecem neste domingo.

Desafios

Os candidatos se comprometem a dar prioridade ao respeito, à proteção e à garantia dos direitos humanos caso ganham a eleição. Outro ponto do acordo é garantir que o governo eleito promova a inclusão social, política e econômica, principalmente para as pessoas que vivem em áreas violentas do país.

O alto comissário da ONU acredita ser a primeira vez que “todos os candidatos à Presidência tenham assinado um compromisso em prol dos direitos humanos”. Para Zeid Al Hussein, a novidade é um “sopro de ar fresco num mundo onde tantos líderes políticos” não tem cumprido com suas obrigações nesta área. 

Para o representante do Escritório de Direitos Humanos da ONU na Colômbia, Alberto Brunori, o próximo presidente do país terá quatro desafios: combater a impunidade; fornecer garantias para permitir a defesa dos direitos humanos; usar o processo de paz para consolidar um Estado que respeite os direitos humanos e fornecer segurança enquanto esses direitos são protegidos. 

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud