ONU pede respeito pela diversidade e fim da discriminação racial

20 março 2018

Organização alerta para práticas discriminatórias generalizadas; migrantes, refugiados e descendentes de africanos são maiores vítimas; este 21 de março é Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial.

As Nações Unidas pediram medidas abrangentes dos Estados para combater o racismo, a discriminação racial, a xenofobia e a intolerância.

Este 21 de março marca o Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial sob o lema Promover a tolerância, a inclusão, a unidade e o respeito pela diversidade no contexto do combate ao tipo de distinção.

Pedras angulares

O tema terá repercursão nas redes sociais por meio de várias hastags #StandUp4HumanRights #FightRacism #JoinTogether and #AfricanDescent.

Em nota sobre a data, a organização lembra que cada indivíduo tem direito a usufruir dos direitos humanos sem discriminação. Os direitos à igualdade e à não-discriminação são a base dos direitos humanos, destaca a ONU.

Num evento na sede da ONU, o secretário-geral António Guterres pediu a todos os países que reconheçam o direito de todos os cidadãos.

 

 

António Guterres aos Estados-membros que pratiquem a Declaração Universal dos Direitos Humanos. O documento estabelece que “seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos” e que “todos têm direito à liberdade estabelecidos na Declaração, sem distinção de raça ou de qualquer outro tipo”.

Práticas Discriminatórias

No entanto, as Nações Unidas apontam o racismo, a xenofobia e a intolerância como questões que prevalecem em todas as sociedades com “práticas discriminatórias generalizadas em particular visando migrantes e refugiados, bem como pessoas de ascendência africana.”

A ONU apela aos Estados que a cada dia se oponham ao preconceito racial e a atitudes intolerantes.

Em dezembro celebra-se o 70º aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Tendo em conta a celebração, a ONU pede união no combate ao racismo e pela defesa dos direitos humanos.

Apresentação: Monica Grayley.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud