OMS recomenda ação preventiva em Dia Mundial de Combate à Diabetes
BR

14 novembro 2017

Atualmente 1 em cada 11 adultos tem a doença, mas metade dos pacientes com diabetes permanece com diagnóstico desconhecido; álcool e bebidas com açúcar são alguns dos vilões da saúde.

Monica Grayley, da ONU News em Nova Iorque.

A Organização Mundial da Saúde marca neste 14 de novembro o Dia Mundial de Combate à Diabetes.

A cada seis segundos, uma pessoa perde a vida para a doença. As complicações da diabetes podem causar ataques cardíacos, derrame, cegueira, falhas renais e até mesmo amputações.

Água

De acordo com a OMS, um em cada 11 adultos sofre da doença, mas a metade dos pacientes não foi diagnosticada.

O tipo 1 da diabetes não pode ser evitado, mas algumas ações podem ajudar a prevenir o tipo 2 da doença.

Dentre as recomendações estão: beber água, café ou chá em vez de sucos ou refrigerantes e outras bebidas com muito açúcar.

A ingestão de pelo menos três porções de frutas e legumes todos os dias além de verduras também pode ajudar na prevenção.

Na hora do lanche, é sempre bom ter na bolsa nozes, frutas ou iogurte sem açúcar. E exercícios físicos também ajuda a evitar a doença.

Carne vermelha

Outro inimigo da prevenção à diabetes é o consumo de álcool. Mais de dois drinks por dia, pode aumentar o risco.

A preferência por carnes magras, aves e frutos do mar é melhor que carne vermelha ou comida processada.

Em 2014, o mundo tinha 422 milhões de pessoas sofrendo de diabetes, quase quatro vezes mais que em 1980.

A doença cresce mais em países de rendas média ou baixa.

Em 2015, 1,6 milhão de pacientes morreram de diabetes. Outros 2,2 milhões de mortes ocorreram por causa dos altos níveis de glicose no sangue em 2012. Metade desses óbitos ocorre antes do paciente completar 70 anos de idade.

Adultos com diabetes tem duas a três vezes mais chance de sofrer um ataque cardíaco ou derrame.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud