Exclusiva: eleição de Angola ao Conselho de Direitos Humanos

16 outubro 2017

Angola foi eleita esta segunda-feira para fazer parte do Conselho dos Direitos Humanos das Nações Unidas entre 2018 e 2020. Além de recolher a reação do país a ONU News registou os comentários do representante permanente da Guiné-Bissau.

O embaixador angolano junto às Nações Unidas em Genebra, Apolinário Jorge Correia (Parte 1) disse que vão ao próximo mandado com a agenda de desenvolvimento.

O país já integrou o órgão que é parte do corpo de apoio à Assembleia-Geral da ONU no período de 2007 a 2010. Antes Angola fez parte da Comissão de Direitos Humanos.

Reagindo ao mesmo tema, o embaixador da Guiné-Bissau junto às Nações Unidas, Fernando Delfim da Silva, disse que Angola começa com chave de ouro na semana de África com a eleição da Nigéria, do Senegal e da Republica Democrática do Congo. (Parte 2)

Acompanhe a conversa com Monica Grayley.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud