Especialistas procuram estratégias para crescimento da África Central

2 outubro 2017

Em encontro nos Camarões foram debatidos instabilidade macroeconómica, recursos naturais e ciclo de crescimento inclusivo.

Denise Costa da ONU News, em Nova Iorque.

Vários agentes responsáveis pela transformação económica da África Central reuniram-se na semana passada para debater como é que a região pode criar um novo ciclo de crescimento.

O encontro, que terminou na última sexta-feira, tinha como tema: “Feito na África Central: de um ciclo vicioso para um ciclo virtuoso”.

Recursos

A reunião decorreu em Douala, nos Camarões, e contou com a presença do diretor do escritório sub-regional da Comissão Económica das Nações Unidas para a África, Uneca.

Falando à ONU News, António Pedro, declarou que existem soluções para resolver a instabilidade macroeconómica da África Central.

“As soluções passam necessariamente por uma utilização mais acentuada dos recursos naturais, que a região tem muito, como o objetivo de promover a industrialização.”

Comércio

O Comitê Intergovernamental de Especialistas, que se reuniu pela 33ª vez, procurou saber porque é que a região, que tem uma taxa de crescimento médio de 5%, ainda não conseguiu criar um ciclo de crescimento inclusivo e sustentável.

Participaram no encontro ministros de áreas como o planeamento, economia, indústria e comércio, como representantes da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial, Unido, e membros da sociedade civil, universidades e centros de investigação.

Os especialistas recomendaram que os recursos disponíveis sejam dedicados a setores mais produtivos, como a indústria de manufatura e serviços, numa tentativa de acelerar a transformação estrutural da economia.

Os participantes do encontro fizeram ainda um balanço do programa de trabalho da organização do ano passado e fizeram novas recomendações sobre a implementação do programa deste ano.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud