Avião choca contra casa e mata criança no Sudão do Sul

25 agosto 2017

PMA lamenta incidente com aparelho de carga que feriu outros quatro sul-sudaneses; Nações Unidas prometem avaliação cuidadosa para apurar razão do voo em baixa altitude.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.*

O Programa Mundial de Alimentação, PMA, anunciou esta quinta-feira a morte de uma criança após a queda de uma aeronave sobre uma casa no Sudão do Sul.

O acidente com o aparelho pertencente a uma empresa contratada pela agência ocorreu momentos antes de aterrar na capital sul-sudanesa, Juba. A vítima que perdeu a vida no incidente de terça-feira tinha cinco anos e outros quatro sul-sudaneses ficaram feridos.

Condolências

Falando a jornalistas, em Nova Iorque, o porta-voz do secretário-geral das Nações Unidas disse que a agência enviou condolências à família e deverá fornecer apoio.

Stephane Dujarric declarou que decorre uma investigação oficial e que o aparelho será “cuidadosamente avaliado para descobrir porque voava em baixa altitude”. O avião embateu numa árvore e depois no telhado de uma casa de piso único num ambiente descrito como de “fraca visibilidade e chuvas fortes”.

Risco

Uma segunda residência também foi danificada no incidente antes do desvio da aeronave para o Aeroporto Internacional de Entebbe, no vizinho Uganda.

Durante a aterragem de emergência em território ugandês, o trem de aterragem do aparelho desabou devido a problemas com a cobertura metálica.

Em comunicado, o PMA reitera que participará no processo de exame da aeronave com as autoridades da aviação para que “vidas inocentes não sejam colocadas em risco”.

*Apresentação: Laura Gelbert.

Notícias relacionadas:

Sul-sudaneses voltam para casa após viverem no maior local de proteção

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud