Conselho de Segurança discute acesso de terroristas a armas
BR

2 agosto 2017

Para encarregado do Escritório sobre Contraterrorismo, “iniciativa toca no centro das ações do secretário-geral para fazer da prevenção uma missão central” da ONU.

Laura Gelbert Delgado, da ONU News em Nova Iorque.

O Conselho de Segurança das Nações Unidas realizou nesta quarta-feira uma reunião sobre como prevenir que terroristas adquiram armas.

O encarregado do Escritório da ONU sobre Contraterrorismo, Jehangir Khan, disse aos integrantes do Conselho que o espectro de terroristas obtendo tecnologias letais e novas armas representa uma séria ameaça à paz e segurança internacionais.

Prevenção

Por essa razão, Khan saudou a adoção pelo Conselho, nesta quarta-feira, de uma agenda para debater o tema evitando que terroristas adquiram armas.

Ele disse que a “iniciativa vai ao coração das ações do secretário-geral para tornar a prevenção a missão central das Nações Unidas”.

Desafios e repostas

Por videoconferência, o diretor executivo do Escritório da ONU sobre Drogas e Crimes, Unodc, também falou ao Conselho.

Yury Fedotov ressaltou que previnir que armas caiam nas mãos de terroristas traz desafios complexos e exige “respostas integradas e multifacetadas da justiça criminal”.

O chefe do Unodc ressaltou o trabalho do Escritório na promoção da implementação da Convenção da ONU sobre Crime Organizado Transnacional.

Notícias Relacionadas:

Assembleia Geral da ONU aprova criação de Escritório de Contraterrorismo

Somália: mais de 6 mil crianças recrutadas por grupos armados desde 2010

Conselho de Segurança discute "ameaças assimétricas" a missões de paz 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud