PMA alerta para escassez de recursos na Etiópia

14 julho 2017

Agência da ONU afirmou que  seus fundos e estoques de alimentos no país estão a esgotar-se; 7,8 milhões de pessoas precisam de assistência na nação que lida com efeitos de secas consecutivas.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

O Programa Mundial de Alimentação, PMA, alertou que seus fundos e estoques de alimentos na Etiópia estão a esgotar-se. O país que lida com os efeitos de secas consecutivas tem cerca de 7,8 milhões de pessoas carentes de ajuda.

De acordo com as projeções da agência, o número deverá aumentar nos próximos meses com o fracasso da época chuvosa.

Assistência

Na região Somali, 1,7 milhão de pessoas dependem do auxílio do PMA para alimentação. Com as reservas atuais, cerca de 700 mil pessoas deverão ficar ser apoio.

Os esforços feitos atualmente pelo governo, pelo PMA e por outras agências humanitárias são para impedir que as pessoas passem fome e para evitar uma catástrofe humanitária nos próximos 12 meses.

A agência da ONU precisa com urgência de US$ 96 milhões para garantir assistência até dezembro.

Notícias relacionadas:

África: ONU destaca avanços no investimento para jovens

Agência de migração da ONU precisa de US$ 60 milhões para Corno de África

FAO: 37 países precisam de assistência externa para obter alimentos

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud