Vídeo: ministro Isaque Chande, Moçambique

1 março 2017

O ministro da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos de Moçambique, Isaque Chande, falou esta quarta-feira no Conselho dos Direitos Humanos.

Em Genebra, o governante disse que a instabilidade política e militar está em vias de ser superada com o diálogo no país.

Na 34ª sessão do órgão, o representante destacou ainda a preocupação com efeitos das alterações climáticas no país, que incluem inundações e ciclones. O governo lançou um alerta vermelho para apoiar 1,5 milhão de pessoas.

O ministro disse que Moçambique está disponível para apoiar as Nações Unidas em iniciativas e planos para lidar com o movimento de migrantes e refugiados.

Moçambique saudou o Brasil pela presença no atual Conselho de Direitos Humanos e reiterou o seu posicionamento ao lado da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Cplp.

Ouça também o áudio na íntegra: basta clicar na seta da caixa de áudio (ao lado direito da tela).

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud