Colômbia: lançadas negociações formais entre governo e ELN
BR

8 fevereiro 2017

Secretário-geral da ONU elogiou lançamento nesta quarta-feira em Quito, no Equador; em nota, porta-voz do chefe da ONU afirmou que “resolver esse conflito é essencial para realizar paz abrangente na Colômbia, salvar vidas e promover desenvolvimento sustentável em todo o país”.

Laura Gelbert, da ONU News em Nova Iorque.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, saudou o lançamento, nesta quarta-feira, em Quito, no Equador, de negociações de paz formais entre o governo colombiano e o Exército de Libertação Nacional, ELN.

Em nota, o porta-voz do chefe da ONU, Stephane Dujarric, afirmou que “resolver esse conflito é essencial para realizar uma paz abrangente na Colômbia, salvar vidas e promover o desenvolvimento sustentável em todo o país”.

Compromisso

O secretário-geral reconheceu o compromisso das partes envolvidas em ouvir as comunidades afetadas pelo conflito.

Ele destacou a necessidade de haver discussões sérias e produtivas que levem rapidamente a uma redução de todas as formas de violência e o fim das violações de direitos humanos e da lei humanitária internacional.

Apoio público

Segundo o porta-voz, isto é fundamental para construir confiança e apoio público para o processo de paz.

O chefe da ONU elogiou os governos do Brasil, do Chile, de Cuba, do Equador, da Noruega e da Venezuela, que são avalistas do acordo, por seu compromisso assim como os outros países apoiadores.

Notícias Relacionadas:

Acnur menciona situação difícil nas fronteiras da Colômbia

Brasileira é nomeada vice-chefe da Missão da ONU na Colômbia

"Crianças ligadas a grupos armados precisam ser tratadas como vítimas" 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud