ONU marca Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto
BR

27 janeiro 2017

Secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou que ninguém pode ficar em silêncio ou indiferente quando seres humanos sofrem tanto; ele gravou mensagem de vídeo pedindo que mundo jamais esqueça dos que perderam a vida por causa dos horrores praticados pelo nazismo.

Edgard Júnior, da ONU News em Nova Iorque.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou que “o Holocausto foi uma tragédia incomparável na história humana”.

Em mensagem de vídeo para marcar o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, este 27 de janeiro, ele disse que “o mundo tem o dever de lembrar que o Holocausto foi uma tentativa sistemática de eliminar o povo judeu e tantos outros”.

Ódio e Discriminação

Falando em inglês, Guterres deixou claro que “seria um erro perigoso pensar no Holocausto como simplesmente o resultado da loucura de um grupo de criminosos nazistas”.

O chefe da ONU afirmou que “o Holocausto foi a culminação de milênios de ódio, de discriminação aos judeus, de usá-los como bodes-expiatórios”, o que é chamado agora de antissemitismo.

Segundo ele, o antissemitismo continua crescendo, assim como o extremismo, a xenofobia, o racismo e o ódio anti-islâmico.

Silêncio

Guterres declarou que a irracionalidade e a intolerância estão de volta e isso vai contra os valores universais consagrados na Carta das Nações Unidas e na Declaração Universal dos Direitos Humanos.

O secretário-geral afirmou que ninguém pode ficar em silêncio ou indiferente quando seres humanos estão sofrendo. Segundo ele, “é necessário defender sempre as pessoas vulneráveis e levar os responsáveis à justiça”.

O tema para marcar a data este ano é “um futuro melhor depende da educação”.

Para o chefe da ONU, depois dos horrores do Século 20, não pode haver nenhum espaço para intolerância no Século 21. Ele prometeu, como secretário-geral, liderar a batalha contra o antissemitismo e todas as formas de ódio.

Guterres pediu a ajuda da comunidade internacional para construir um futuro de dignidade e igualdade para todos. Dessa forma, segundo ele, será possível honrar as vítimas do Holocausto que não podem jamais serem esquecidas.

Notícias relacionadas:

Vídeo: Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto

Acompanhe também as notícias sobre o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto nas nossas redes sociais: Facebook, Twitter e YouTube.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud