Conselho de Segurança aprova retirada de forças da Libéria em 2018

23 dezembro 2016

Secretário-geral tem 90 dias para apresentar um plano de consolidação da paz e apoio à transição ao órgão; autoridades do país assumiram a responsabilidade de segurança da Unmil há seis meses.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

O Conselho de Segurança adotou uma resolução que estende o mandato da Missão da ONU na Libéria, Unmil, até março de 2018. A decisão prevê que a retirada completa da operação de paz no país ocorra um mês depois.

O documento, aprovado esta sexta-feira, define ainda a redução da componente militar de 1.240 para 434 homens até o fim de fevereiro de 2017. O número de polícias vai passar de 606 para 310.

Segurança

A operação de paz terá uma força de reação rápida para apoiar a missão da ONU em caso do agravamento da situação de segurança em território liberiano.

O secretário-geral deve apresentar um relatório sobre um plano de consolidação da paz para apoiar a transição da Libéria nos próximos três meses.

As autoridades do país assumiram as responsabilidades de segurança da Unmil a 30 de junho.

Notícias relacionadas:

ONU quer medidas contra casos de estupros na Libéria

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud