Estados Unidos e China ratificam acordo climático
BR

3 setembro 2016

Presidentes Xi Jinping e Barack Obama entregaram documentos legais ao secretário geral da ONU; em cerimônia histórica, Ban Ki-moon afirmou estar otimista de que Acordo de Paris possa entrar em vigor até fim do ano.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, elogiou a China e os Estados Unidos por se juntarem ao Acordo de Paris sobre mudança climática.

Neste sábado, na cidade chinesa de Hangzhou, os presidentes Xi Jinping e Barack Obama depositaram os documentos oficiais de “ratificação, aceitação ou aprovação” com o secretário-geral, como determinado no Acordo de Paris.

Passo Histórico

Juntos, China e Estados Unidos, os dois maiores emissores de gases de efeito estufa, representam cerca de 38% das emissões globais.

Segundo Ban, com os dois países dando esse “passo histórico”, agora há 26 países que ratificaram o tratado, representando 39% das emissões globais.

Emissões Globais

O Acordo de Paris entrará em vigor 30 dias após pelo menos 55 países, representando 55% das emissões globais de gases de efeito estufa, depositarem seus instrumentos de ratificação ou aceitação com o secretário-geral da ONU.

Ban afirmou ter esperança e estar otimista de que isso possa ser feito antes do fim deste ano e de seu mandato como chefe das Nações Unidas.

Ele fez um apelo “aos líderes mundiais, especialmente os países do G20, que acelerem seus processos nacionais de ratificação para que as aspirações do Acordo de Paris possam se tornar a ação climática de que o mundo tanto precisa”.

Evento de Alto Nível

Em 21 de setembro, o secretário-geral será o anfitrião de um evento de alto nível nas Nações Unidas.

O objetivo é fornecer uma oportunidade para os países depositarem seus instrumentos legais e se comprometerem publicamente a aderir ao Acordo de Paris antes do fim de 2016.

Leia e Ouça:

Pnuma: países latinoamericanos avançam no combate à mudança climática 

Convenção da ONU espera que Acordo de Paris entre em vigor este ano 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud