Após incêndios, turismo na Ilha da Madeira volta à normalidade
BR

11 agosto 2016

Informações foram passadas à Organização Mundial do Turismo; atmosfera em Funchal é de “serenidade”; turistas que haviam sido evacuados retornam aos hotéis; pelo menos três pessoas morreram.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Após incêndios que mataram pelo menos três pessoas na Madeira, o turismo na região está sendo normalizado. A informação foi passada à Organização Mundial do Turismo, OMT, pela Secretaria Regional de Economia, Turismo e Cultura da ilha portuguesa.

Segundo agências de notícias de Portugal, mais de 100 pessoas ficaram feridas e o fogo também destruiu várias habitações e um hotel de luxo. Segundo a Secretaria, muitos turistas precisaram abandonar seus hotéis devido aos incêndios e as temperaturas mínimas chegaram a quase 30° C.

Solidariedade

Voluntários e funcionários dos hotéis prestaram apoio aos deslocados e o órgão público fala em uma “onda de solidariedade sem precedentes, que foi muito elogiada pelos visitantes da Madeira”.

Os turistas já retornaram aos seus hotéis e a situação deve ser totalmente normalizada ainda nesta quinta-feira. A Secretaria de Turismo destaca que a atmosfera em Funchal é de “serenidade” e muitas pessoas já estão fazendo excursões e passeios de barco pela região.

Apesar da situação estar controlada na Ilha da Madeira, os incêndios continuam atingindo dezenas de cidades de Portugal.

Leia e Ouça:

FAO aposta em lenhadores, arquitetos e carpinteiros contra mudança climática

Risco de zika em Portugal continental é baixo, diz especialista da OMS

Mais de 10 países confirmam transmissão de zika por via sexual

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud