Enviado da ONU fala de processo de paz no Oriente Médio
BR

30 junho 2016

Coordenador especial da ONU para Processo de Paz na região falou ao Conselho de Segurança nesta quinta-feira; Nickolay Mladenov descreveu como a recente violência está afetando israelenses e palestinos.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O coordenador especial da ONU para Processo de Paz no Oriente Médio, Nickolay Mladenov, falou ao Conselho de Segurança nesta quinta-feira e descreveu a recente violência que está afetando israelenses e palestinos.

A informação é do porta-voz do secretário-geral das Nações Unidas, Stephane Dujarric. Ele informou que Mladenov citou o caso de uma menina, de 13 anos, esfaqueada por um palestino, enquanto dormia, na Cisjordânia.

Incidentes

Ele também lembrou a morte de quatro israelenses num ataque em Tel Aviv em 8 de junho e o assassinato de um adolescente palestino por um agente da Força de Segurança de Israel.

Segundo o porta-voz, Mladenov disse que os dois primeiros incidentes eram “claramente atos de terror” e o terceiro foi referido como um “erro” que “interrompeu uma vida inocente”.

O coordenador especial condenou todas as “trágicas perdas de vidas”.

Obstáculos

Dujarric disse ainda que, de acordo com Mladenov, o Quarteto, grupo formado pela ONU, pela União Europeia, pelos Estados Unidos e pela Rússia, destacou três tendências que podem “prejudicar as perspectivas de paz”.

As questões seriam “violência continua, terrorismo e incitamento; expansão de assentamentos e políticas relacionadas na Cisjordânia; e a situação em Gaza e falta de controle do local pela Autoridade Palestina”.

Relatório

O coordenador especial agradeceu a israelenses e palestinos por seu “envolvimento construtivo” enquanto o Quarteto produzia um relatório que se concentrará nas maiores ameaças à realização de uma paz negociada.

Mladenov afirmou que o objetivo do relatório não é atribuir culpas, mas traçar um caminho a seguir, com recomendações feitas por ambos os lados.

Leia e Ouça:

Ban diz em Israel que "violência nunca será a solução" para Oriente Médio

ONU condena ataques em Israel

Solução de dois Estados muito longe para palestinos e israelenses

Nações Unidas condenam ataques na Cisjordânia 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud