Combates em cidade sul-sudanesa fazem 12 mil deslocados em três dias

28 junho 2016

OIM promete carregamentos aéreos para a área de Wau nos próximos dias; cidade acolhe pessoas que fugiram de combates intensos na sexta-feira e sábado.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A Organização Internacional para Migrações, OIM, distribui esta terça-feira de artigos de emergência a mais de 2 mil famílias na base da Missão das Nações Unidas no Sudão do Sul, Unmiss, na cidade nordestina de Wau.

Desde sexta-feira, 12 mil pessoas chegaram às instalações da operação de paz em busca de abrigo e proteção. O apoio da agência parceira da ONU no local inclui água, saneamento e construção de sanitários.

Centro de Saúde

Outras cerca de 400 famílias que vivem em instalações da Cruz Vermelha na cidade beneficiam de um pacote de ajuda, que inclui um centro de saúde para desalojados após combates intensos que foram até sábado.

Mais de 100 mil pessoas foram deslocadas pela violência e pela insegurança na região em busca de proteção e auxílio de emergência desde o fim do ano passado.

Carregamentos Aéreos

Uma equipa de especialistas da OIM ajuda na coordenação e na distribuição da ajuda e entregou suprimentos de saúde e medicamentos. Nos próximos dias espera-se que sejam feitos mais carregamentos por via aérea.

A Unmiss disse que além dos abrigados nas suas instalações em Wau, outros milhares de pessoas estão em centros coletivos na área próxima da base.

Serviços de Emergência

O chefe de Operações da OIM, John McCue, disse que o foco da agência está na rápida avaliação das necessidades e no fornecimento de serviços de emergência aos deslocados estejam estes onde estiverem abrigados.

As necessidades prioritárias são saúde, abrigo, água, saneamento e proteção dos deslocados internos.

Leia e Oiça:

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud