Deputada cita avanços do Brasil nos direitos de pessoas com deficiência
BR

16 junho 2016

Mara Gabrilli também falou à Rádio ONU sobre desafios que permanecem, principalmente em áreas como infraestrutura urbana, transporte, educação e saúde; deputada federal participa de evento sobre Jogos Paralímpicos, nesta quina-feira na sede da ONU.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O Brasil vem avançando em questões relacionadas aos direitos das pessoas com deficiência na avaliação da deputada federal Mara Gabrilli (PSDB-SP).

Ela participa do encontro dos Estados-parte da Convenção sobre o Direitos das Pessoas com Deficiência, que acontece na sede da ONU, em Nova York.

Avanços

O acordo está completando 10 anos. Em entrevista à Rádio ONU, Mara Gabrilli falou sobre avanços e desafios do Brasil na área.

“Hoje a gente tem muitas secretarias municipais de pessoas com deficiência, secretarias estaduais, tem a secretaria nacional, coisa que há 10 anos atrás a gente ainda não tinha. E isso faz com que seja um tema na agenda das cidades. Mas tem outras questões que a gente tem muito ainda para avançar. Principalmente no que diz respeito à infraestrutura urbana, ao transporte, à educação e à saúde”.

Empregos

Para a deputada, de 10 anos para cá houve uma grande evolução na área de empregabilidade da pessoa com deficiência, embora ainda haja mais “a avançar”.

Ela afirmou que pela lei de cotas, ainda há 1 milhão de vagas remanescentes.

Lei Brasileira

Gabrilli falou também sobre a importância da Convenção para a lei brasileira de inclusão.

“A construção da lei brasileira de inclusão foi uma construção coletiva porque ela ficou em consulta pública, então, foi escrita pela sociedade. Isso dá uma chancela e uma legitimidade para a lei muito grande. Acho que é uma grande conquista e a gente deve muito à Convenção da ONU de 10 anos atrás porque a lei brasileira de inclusão é praticamente uma regulamentação da Convenção e agora em vigor no Brasil.”

Nesta quinta-feira, a deputada Mara Gabrilli participa de um evento paralelo ao encontro na sede da ONU sobre os Jogos Paralímpicos como um motor para desenvolvimento sustentável inclusivo.

Leia e Ouça:

Portugal em "momento de virada" para inclusão de pessoas com deficiência

Entrevista: Ministro do Esporte diz que Olimpíadas ocorrerão "sem problemas" 

Assembleia Geral adota resolução relacionada a esporte e ideal olímpico

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud