Brasil espera que governos locais promovam mais esporte após Rio 2016
BR

8 junho 2016

Em entrevista  à Rádio ONU, ministro da pasta Leonardo Picciani diz que o evento deverá inspirar crianças a praticar esportes e que governos devem apoiar  esse “ importante fator de inclusão social”.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Um dos legados dos Jogos Olímpicos para o ministro do Esporte Leonardo Picciani é a possibilidade de aumentar o interesse de crianças e jovens pelas mais variadas modalidades esportivas.

A declaração foi dada à Rádio ONU durante uma visita à sede das Nações Unidas para discutir cooperação com a organização na promoção dos Jogos.

Experiência

“As Olimpíadas irão inspirar muitas das crianças e dos jovens brasileiros a praticarem o esporte. E as suas mais diversas modalidades. E é um desafio pro governo conseguir fazer com que essas modalidades tenham locais, onde os brasileiros de todas as regiões possam praticá-las”.

Picciani buscou tranquilizar visitantes e atletas sobre a realização dos Jogos e os temores da contaminação com o vírus zika, a insegurança da cidade e outros desafios.

Ao comentar a importância do esporte para a saúde e o desenvolvimento, o ministro do Esporte disse que o governo terá a partir da conclusão do evento o grande desafio de manter as pessoas motivadas e de fornecer instalações desportivas para quem quer se dedicar às atividades físicas.

Inclusão

“O esporte é um importante fator de inclusão social, fator educacional. Um fator de qualidade de vida, de lazer. Até pelo aspecto da saúde. Nós temos pesquisas que indicam que uma parte significativa da população brasileira vive no sedentarismo. Eperamos que com o esporte, as pessoas saiam do sedentarismo.  Para que as pessoas passem a viver com mais qualidade de vida.”

Leonardo Picciani afirmou na entrevista que está tudo pronto para a inaguração dos Jogos Olímpicos. Segundo ele, o último equipamento a ser entregue, o velódromo, deve ser concluído até o dia 30 de junho.

Após as reuniões na ONU, a assessoria do ministro do Esporte informou que ele irá a Washington para discutir cooperação com a realização do evento.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud