Moçambique: ONU apoia reflexão sobre queda dos preços de matérias-primas

17 maio 2016

Representante da organização no país renovou compromisso de cooperação para reduzir danos sociais e proteger grupos vulneráveis; meta é que forte desempenho seja acompanhado por transformação económica.

Ouri Pota, da Rádio ONU em Maputo.

Uma reflexão de especialistas em torno do impacto da queda dos preços das matérias-primas minerais e o desenvolvimento sustentável marcou a abertura da semana na capital moçambicana, Maputo.

A coordenadora residente das Nações Unidas no país, Márcia de Castro, destacou que a baixa dos custos dos produtos básicos e a incerteza da situação económica e financeira enfraquecem o avanço de exportadores dos recursos em África.

Gás Mineral e Carvão

Nos últimos anos, Moçambique anunciou a descoberta de mais de 20 mil milhões de toneladas de carvão mineral e gás natural. O facto colocou o país entre os principais produtores e exportadores de recursos, principalmente os energéticos.

No seu discurso, a representante sublinhou que o alto valor comercial das matérias-primas teve um papel central na promoção do crescimento dos países ricos em recursos na última década.

Entre as economias mais afetadas da África Austral estão Moçambique, África do Sul, Zâmbia e Zimbabué.

Transformação

Para Márcia de Castro, o grande desafio é garantir que o forte desempenho económico seja acompanhado por uma transformação na economia.

Nesse contexto, a responsável renovou o compromisso da ONU em continuar a cooperar com o governo, os parceiros do setor privado e organizações da sociedade civil nas áreas das indústrias extrativas.

A meta é reduzir os danos sociais e a proteção de grupos vulneráveis. Os outros objetivos são promover a governação, dar apoio ao planeamento a longo prazo para a diversificação económica e a industrialização.

Leia e Oiça:

Maputo: seminário sobre património imaterial fecha com apelos por mais formação

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud