Ban preocupado com eleições no Haiti
BR

25 abril 2016

Acordo de 5 de fevereiro previa que pleito tivesse sido realizado em 24 de abril; nenhum calendário eleitoral alternativo foi anunciado; secretário-geral reiterou seu “forte apoio” à conclusão, sem mais demora, das eleições de 2015.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

Com “profunda preocupação”, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, notou que as eleições que seriam realizadas em 24 de abril no Haiti, segundo acordado em 5 de feveiro, não aconteceram e nenhum calendário eleitoral alternativo foi anunciado.

Em declaração divulgada por seu porta-voz, Ban reiterou seu “forte apoio” à conclusão, sem mais demora, das eleições de 2015.

Ordem Constitucional

O chefe da ONU pediu a todas as partes no Haiti que garantam o rápido regresso à ordem constitucional

Para ele, o país não pode se permitir um período de transição prolongado, enquanto enfrenta grandes desafios sócio-econômicos e humanitários.

O secretário-geral citou uma comissão que seria para avaliar e verificar as eleições realizadas em 2015 e destacou a necessidade de concluir este processo com a “urgência necessária”.

Ban reafirmou o compromisso das Nações Unidas de estender seu “total apoio” à população haitiana no cumprimento de suas aspirações democráticas.

Leia e Ouça:

Misto de problemas no Haiti gera apelo humanitário de US$ 200 milhões 

"Brasil pronto para permanecer no Haiti", dependendo da avaliação da ONU 

Impunidade e crise eleitoral são problemas de direitos humanos no Haiti 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud