Ban afirmou que “os governos mundiais entraram para a história hoje”
BR

23 abril 2016

Secretário-geral da ONU disse no encerramento da cerimônia de assinatura do Acordo de Paris que os países fizeram um pacto com o futuro; 175 nações firmaram o documento e 15 já ratificaram.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que “hoje, os governos mundiais entraram para a história, como aconteceu em dezembro, em Paris, durante a COP21.

No encerramento da cerimônia de assinatura do Acordo de Paris, Ban afirmou que os países fizeram um pacto com o futuro.

175 Nações – 15 Ratificações

Durante o evento na Assembleia Geral, 175 nações firmaram o documento e 15 já ratificaram o tratado, entre eles estão: Barbados, Fiji, Granada, Maldivas, Palestina e Somália.

O chefe da ONU disse que as “assinaturas representam um voto de confiança em uma nova forma de lidar com a mudança climática”. Para ele, “é imperativo que esse forte impulso político continue crescendo”.

Ban explicou que se todos os países que firmaram o acordo logo no primeiro dia ratificarem o documento em seus congressos e parlamentos, o mundo alcançará as exigências legais para que o tratado entre em vigor.

Horizonte

São necessários, pelo menos, 55 países representando 55% das emissões globais de gases que causam o efeito estufa.

O secretário-geral prometeu fazer o possível para atingir esse objetivo e encorajou os países a elevarem o nível de ambição.

Ban encerrou o discurso dizendo que “quando olha para o horizonte, vê mais claro do que nunca, os sinais de um mundo novo e melhor”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud