Situação humanitária na Síria tem progresso “modesto”, mas “real”
BR

21 abril 2016

Avaliação do enviado especial da ONU para o país, foi dada a jornalistas em Genebra; segundo Staffan de Mistura, até o momento cerca de 220 mil pessoas em áreas sitiadas foram alcançadas. 

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York. 

O enviado especial da ONU para Síria, Staffan de Mistura, disse a jornalistas nesta quinta-feira, em Genebra, que houve progresso “modesto, mas real” em relação à situação humanitária no país.

A análise recente é da força-tarefa humanitária.

Áreas Sitiadas

Segundo o enviado especial, até o momento cerca de 220 mil pessoas em áreas sitiadas foram alcançadas. Isto representa aproximadamente metade das pessoas nestes locais.

De Mistura afirmou ainda que 515 pessoas foram retiradas por questões médicas na quarta-feira de Zabadani, Madaya, Kefraya e Foah. As ações foram feitas com a participação do Crescente Vermelho na Síria.

Lançamentos Aéreos

Ele também destacou que nos últimos dias, o Programa Mundial de Alimentos, PMA, realizou oito lançamentos aéreos bem-sucedidos sobre Deir Ezzour.

Estimativas são de que a assistência tinha chegado a cerca de 65 mil pessoas.

Leia e Ouça:

ONU saúda papa Francisco por oferecer um lar a três famílias sírias

Líderes mundiais devem mostrar mais solidariedade com refugiados

Enviado da ONU fala em frustração sobre acesso humanitário na Síria

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud