PMA anuncia recursos para apoiar refugiados em número recorde no Uganda

8 abril 2016

Apoio de doadores vai garantir assistência a mais de 80% das pessoas em busca de abrigo nos próximos meses; fluxos a partir do Sudão do Sul, do Burundi e da República Democrática do Congo elevaram número de refugiados para 520 mil.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O Programa Mundial de Alimentação, PMA, anunciou esta sexta-feira que vai continuar a apoiar cerca de 400 mil refugiados no Uganda nos próximos quatro meses.

A assistência ao grupo, que depende de auxílio externo, será assegurada com o contributo de mais de US$ 29 milhões de doadores como União Europeia, Japão e Estados Unidos. O Fundo de Resposta de Emergência da ONU, Cerf, também apoia as ações.

Recorde

O diretor da agência para o Uganda, Michael Dunford, disse que o financiamento vai permitir ao PMA continuar as entregas de comida, dinheiro e apoio nutricional, essenciais a um número recorde de refugiados.

Os recursos serão usados para comprar alimentos nos mercados locais, além de prestar apoio, alívio e tratamento às vítimas de desnutrição. Entre os beneficiários destacam-se crianças, grávidas e mães.

O Uganda acolhe 520 mil refugiados, considerado um recorde que tende a aumentar com as crises em curso em vários países vizinhos.

Alimentos e Dinheiro

Em janeiro, 12 mil pessoas chegaram ao território ugandês provenientes do Sudão do Sul, do Burundi e da República Democrática do Congo.

As pessoas que pedem abrigo podem optar entre receber alimentos ou dinheiro, o que torna flexível atender às necessidades alimentares das famílias. Este ano, a agência deve superar a cifra de 50 mil refugiados que se beneficiam dos valores.

O Governo do Uganda atribui terras às famílias estrangeiras, o que permite desenvolver os seus meios de subsistência e promover a sua integração nas comunidades locais.

* Apresentação: Michelle Alves de Lima.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud