Ban felicita nova iniciativa para o fim do conflito no Sudão da União Africana

29 março 2016

Governo assinou roteiro para acordo em processo mediado por um painel liderado pelo ex-presidente da África do Sul Thabo Mbeki; secretário-geral quer adoção da mesma medida pelas outras partes do conflito.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O secretário-geral das Nações Unidas saudou esta terça-feira o Painel de Alto Nível de Implementação da União Africana para o Sudão e o Sudão do Sul por reunir as partes do conflito sudanês para a suspensão das hostilidades.

A nota de Ban Ki-moon destaca que um acordo permitiria também o acesso e a assistência humanitária além de um processo de diálogo nacional inclusivo.

 Entendimento

A 21 de março, o governo de Cartum assinou um roteiro para um entendimento proposto pela equipa liderada pelo ex-presidente sul-africano Thabo Mbeki. Ban apela ao Sudão a respeitar plenamente o acordo e as outras partes a assiná-lo.

Entre elas estão o Partido Nacional Umma, o Partido do Povo do Sudão/ Movimento de Libertação do Norte, o Movimento Justiça e Igualdade e o Movimento Popular de Libertação/Minni Minawi.

Ambiente de Diálogo

Para o chefe da ONU, uma proposta adotada por todas as partes seria um passo importante para acabar com a guerra, prestar assistência às comunidades carentes e melhorar o ambiente para um diálogo nacional inclusivo.

De acordo com agências de notícias locais, as delegações juntaram-se a 18 de março na capital etíope, Addis Abeba, para uma "reunião de consulta estratégica" mediada pelo painel da União Africana.

Dois dias depois, Mbeki apresentou o texto do plano com vista a um acordo às partes do conflito.

Leia Mais:

Movimento sudanês proíbe recrutamento e uso de crianças-soldado em Darfur

Darfur: Unamid saúda decisão contra uso de crianças-soldado por rebeldes

Unamid preocupada com reacender de conflitos em Darfur

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud