Saara Ocidental em destaque na visita de Ban Ki-moon ao Sahel

4 março 2016

Secretário-geral esteve na Mauritânia antes de seguir rumo à Argélia; recomendação é que países abordem causas profundas da instabilidade enquanto lidam com a segurança.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O secretário-geral das Nações Unidas destacou a situação do Saara Ocidental como um dos principais motivos da sua visita à região africana do Sahel.

No fim de semana, Ban Ki-moon estará na Missão da ONU sobre o Referendo no Saara Ocidental, Minurso,  além de visitar refugiados sarauís.

Situação de Segurança

Em Nouakchott, na Mauritânia, o chefe das Nações Unidas teve um encontro bilateral com o presidente Mohamed Abdel Aziz. Um dos temas discutidos foi a preocupação com a frágil situação de segurança na região africana.

Ban segue depois para a Argélia para participar nas atividades do Dia Nacional de Consciencialização sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável no domingo.

O secretário-geral destacou que os países devem concentrar-se nas causas profundas da instabilidade sem negligenciar as questões de segurança.

Entre elas estão a pobreza, o desemprego, a fraca governação, a exclusão social, a discriminação e a impunidade de violações dos direitos humanos.

Sociedade Civil

Ao dirigir-se ao líder mauritano, Ban encorajou a olhar para a sociedade civil como um parceiro, salientando que esta pode ser útil na proteção dos direitos humanos.

Ban esteve no Centro de Oncologia de Nouakchott, o único serviço médico que oferece tratamento contra o cancro na Mauritânia.

O chefe da ONU prometeu o apoio contínuo da organização aos esforços para enfrentar os desafios de saúde das mulheres e meninas mauritanas, após a sua presença no Hospital Maternoinfantil local.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud