Incêndios na República Centro-Africana deixam centenas desalojados

25 fevereiro 2016

Coordenador humanitário da ONU no país presta solidariedade às famílias; trabalhadores estão a responder às necessidades das pessoas afectadas pelos incidentes.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

O coordenador humanitário da ONU na República Centro-Africana expressou sua solidariedade com as centenas de famílias que tiveram seus abrigos destruídos em vários incêndios ocorridos recentemente no país.

Segundo Aurélien Agbénonci, essas pessoas já estavam a viver como deslocadas internas. Em janeiro e fevereiro, incêndios foram reportados em várias regiões que abrigam deslocados internos.

Entrega de Ajuda

A organização Médicos Sem Fronteiras destaca, por exemplo, um incêndio a 10 de fevereiro no acampamento de Batangafo, que abriga 30 mil pessoas.

O representante da ONU informa que os trabalhadores humanitários continuam a responder às necessidades urgentes das pessoas afectadas pelos incêndios.

O chefe do Ocha na República Centro-Africana destaca que a comunidade humanitária está a apoiar os desalojados com a entrega de comida, de lonas de plástico, água, kits de saneamento, colchões e cobertores.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud