ONU saúda plano para fechamento de Guantánamo
BR

23 fevereiro 2016

Projeto foi anunciado nesta terça-feira pelo presidente dos EUA, Barack Obama; alto comissário da ONU para Direitos Humanos, Zeid Al Hussein, espera que “não haja mais obstáculos no caminho de sua implementação”.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O alto comissário da ONU para Direitos Humanos, Zeid Al Hussein, saudou o plano para o fechamento da prisão de Guantánamo apresentado nesta terça-feira pelo presidente dos EUA, Barack Obama.

Zeid espera que “não haja mais obstáculos colocados no caminho de sua implementação”.

Reputação Manchada

Para o alto comissário, “o regime de Guantánamo, com tudo o que ele implicava, tem sido uma grave mancha no histórico de direitos humanos e na reputação dos Estados Unidos nos últimos 14 anos”. Além disso, “tem sido citado por muitos governos repressivos como justificativa para suas ações”.

Em nota, Zeid declarou ainda que “é vital que a implementação do plano resulte em ninguém permanecendo em detenção por tempo indefinido sem acusação ou julgamento”.

Transferência de Detentos

A proposta apresentada pela Casa Branca pretende transferir os 91 detentos restantes a seus países de origens ou a prisões americanas civis ou militares.

Segundo agências de notícias, o congresso se opõe a suspeitos de terrorismo serem mantidos em solo americano e a expectativa é a de que o plano seja bloqueado.

No comunicado, o alto comissário da ONU defendeu que todos os prisioneiros de Guantánamo “devem ser transferidos para centros regulares de detenção nos Estados Unidos ou outros países” onde possam receber “processos devidos e julgamentos seguros em conformidade com padrões e normas internacionais”.

Zeid declarou ainda que se não houver evidências suficientes para acusá-los de qualquer crime, “eles dever ser soltos para seu países de origem ou uma terceira nação, se tiverem risco de perseguição em sua casa”.

Leia Mais:

Relatores da ONU pedem fechamento da prisão de Guantánamo

ONU preocupada com destino de prisioneiro de Guantánamo

Especialista elogia discurso de Obama sobre operações anti-terrorismo

Comissão quer que EUA respeitem a vida dos prisioneiros em Guantánamo

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud