OMS: avançam pesquisas de duas vacinas candidatas contra o zika
BR

12 fevereiro 2016

Uma envolve DNA e está sendo preparada nos Estados Unidos e a outra, na Índia; testes em larga escala podem começar em 18 meses; após experiência com ebola, agência avalia que resposta ao zika está sendo bem rápida.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Mundial da Saúde, OMS, confirmou esta sexta-feira que os testes em larga escala de uma vacina contra o zika vírus podem começar daqui a 18 meses.

Em Genebra, a diretora-assistente da agência, Marie-Paule Kieny, destacou que novidades surgem diariamente e duas vacinas candidatas estão em fase mais avançada de desenvolvimento.

Resposta Rápida

Ela explicou que uma vacina de DNA está sendo produzida pelos Institutos Nacionais da Saúde dos Estados Unidos. A outra vacina envolve um vírus inativado e está sendo desenvolvida pela empresa Bharat Biotech, da Índia.

Segundo a especialista, após a experiência com o surto de ebola, a resposta ao zika vírus está sendo bastante rápida. Em relação aos diagnósticos, foram identificadas 10 empresas que podem fornecer testes sorológicos ou de ácido nucléico. O primeiro mede os níveis de anticorpos após exposição ao vírus e o segundo detecta o vírus no sangue.

Medicamentos

A médica da OMS explica que nenhum dos testes já foi aprovado e o objetivo é garantir que não sejam distribuídos testes de má qualidade ou falsos, ao mesmo mesmo em que se trabalha para que os diagnósticos fiquem disponíveis com rapidez.

É possível que os testes de laboratório fiquem disponíveis dentro de algumas semanas. Também estão sendo estudados medicamentos para prevenir o zika, especialmente em grávidas.

A OMS deve publicar em 15 dias uma análise sobre avanços nos diagnósticos, vacinas, medicamentos e medidas para controlar o vetor, o mosquito Aedes aegypti.

Leia Mais:

Aiea vai ajudar na detecção precoce do zika vírus

OMS divulga orientações para mulheres preocupadas com a microcefalia

FAO está preparada para contribuir com a luta contra o zika vírus 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud