OMS entrega 20 toneladas de suprimentos médicos no Iêmen
BR

10 fevereiro 2016

Depois de vários meses de acesso bloqueado a agência da ONU conseguiu levar remédios e outros materiais para a cidade de Taíz; organização informou que carregamento é suficiente para atender mais de 200 mil pessoas.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Mundial da Saúde, OMS, conseguiu levar mais de 20 toneladas de suprimentos médicos para a cidade de Taíz, no Iêmen.

Segundo a OMS, depois de dois meses sem acesso à região, o carregamento vai atender às necessidades de mais de 200 mil pessoas que vivem sitiadas na área e não conseguem receber ajuda humanitária.

Remédios

Entre os suprimentos estão remédios e outros materiais médicos que podem salvar vidas. Os hospitais da cidade receberam kits de emergência para tratar de vários tipos de problemas de saúde, que vão desde diarreia a diversos tipos de trauma.

Foram enviados também 170 cilindros de oxigênio para tratar 35 mil pessoas e soluções químicas para realizar 30 mil sessões de diálise por ano.

Desde abril de 2015, a violência e a insegurança limitaram a entrega de ajuda em Taíz, sendo que três distritos da cidade continuam isolados e os moradores necessitam urgentemente de água, comida e remédios.

Doenças Crônicas

No setor de saúde, as pessoas que sofrem de doenças crônicas como câncer, diabetes e doenças renais encontram dificuldades para receber tratamento.

A falta de alimentos causou alta nos preços da comida e muitas pessoas não têm condições de comprar o básico. Segundo as autoridades, o resultado pode ser visto no aumento do risco de desnutrição, especialmente em crianças.

No início desta semana, um avião levando mais 40 toneladas de remédios e suprimentos médicos chegou a Sanaa, a capital. O material será distribuído nas regiões mais carentes.

Leia Mais:

FAO alerta para rápida piora na segurança alimentar no Iêmen

Unicef pede US$ 2,8 bilhões em ajuda humanitária para crianças

Coordenador da ONU pede livre acesso à ajuda humanitária no Iêmen

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud