ONU preocupada com novo adiamento das eleições no Haiti
BR

23 janeiro 2016

Secretário-geral pediu a todos os envolvidos no processo eleitoral haitiano que trabalhem juntos para uma solução pacífica; Ban Ki-moon também pediu a todos que evitem todas as formas de violência e intimidação.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse que está preocupado com a decisão de mais um adiamento das eleições presidenciais no Haiti, que estavam marcadas para este domingo, 24 de janeiro.

Em comunicado divulgado este sábado, Ban pediu a todos os envolvidos que trabalhem juntos para uma solução pacífica do processo eleitoral haitiano.

Esforço Conjunto

O chefe da ONU disse que esse esforço conjunto deve ser feito sem demora e através de uma solução de consenso que permita aos eleitores haitianos exercerem o direito de voto na disputa para presidente e para o Parlamento.

Ban pediu a todos os políticos e simpatizantes que rejeitem qualquer forma de violência e intimidação e evitem ações que possam prejudicar o processo democrático e a estabilidade do país.

O secretário-geral reafirmou o compromisso da ONU de continuar apoiando a consolidação da democracia e a estabilização do Haiti.

O Conselho Eleitoral haitiano adiou pela terceira vez o segundo turno das eleições presidenciais.

Segundo as agências de notícias, o presidente do Conselho Eleitoral haitiano, Pierre-Louis Opont, citou preocupações de segurança.

Leia Mais:

Grupo de amigos do Haiti reitera apoio ao fim do processo eleitoral

Haiti: nos 6 anos do terremoto, ONU destaca desafios para recuperação

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud