ONU condena atentado terrorista na Turquia
BR

12 janeiro 2016

Em nota, secretário-geral chamou ação em distrito turístico de Istambul “crime desprezível”; Ban mencionou que ataque causou a morte de pelo menos 10 pessoas e deixou 15 feridas

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU condenou o atentado terrorista desta terça-feira na praça Sultanahmet em Istambul, na Turquia.

Em nota, Ban Ki-moon destacou que este “crime desprezível” no coração do distrito turístico da cidade matou, pelo menos, 10 pessoas e deixou outras 15 feridas.

Turistas

Citando autoridades, agências de notícias relatam que o atentado suícida a bomba teria sido realizado por um suspeito integrante do grupo Estado Istâmico do Iraque e do Levante, Isil.

Pelo menos nove dos 10 mortos seriam turistas alemães.

No comunicado, o secretário-geral expressou suas condolências às famílias das vítimas, aos governos da Turquia e da Alemanha e a outros cidadãos estrangeiros afetados pelo atentado.

Ban desejou rápida recuperação aos feridos e espera que os responsáveis por este ataque sejam rapidamente levados à justiça.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud