Enviado da ONU define data para negociações de paz entre sírios
BR

27 dezembro 2015

Staffan de Mistura estabeleceu 25 de janeiro como meta para início das conversas entre envolvidos no conflito; negociações devem ocorrer em Genebra.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O enviado especial das Nações Unidas para a Síria, Staffan de Mistura, definiu o dia 25 de janeiro como meta para o início das negociações de paz entre as partes envolvidas na guerra no país.

O objetivo é pôr um fim ao conflito de cinco anos na Síria. O anúncio foi feito no sábado, em Genebra, onde as conversas devem ocorrer.

Conselho de Segurança

Em 18 de dezembro, o Conselho de Segurança adotou, por unanimidade, uma resolução que busca pôr um fim à guerra no país.

O documento determina que a ONU inicie em janeiro negociações formais entre o governo e a oposição sobre o processo de transição política. A resolução estabelece um prazo de seis meses para a formação de um governo inclusivo e não sectário.

Além disso, deve preparar uma agenda e o processo para uma nova constituição, como também para a realização de eleições num prazo de 18 meses.

Tragédia e Compromisso

Entre outras disposições, o texto reconhece a estreita ligação entre o processo político e um cessar-fogo, que deve entrar em vigor assim que os lados tiverem dado os passos iniciais para a transição, sob aos auspícios da ONU.

A nota do enviado especial destaca o sofrimento da população da Síria e afirma que “sua tragédia é sentida em toda a região e além dela”.

Para Staffan de Mistura, os sírios precisam da “plena atenção e compromisso” de todos os seus representantes, que devem agora mostrar “liderança e visão para superar diferenças pelo bem da Síria”.

Leia Mais:

Conselho de Segurança exige acesso humanitário imediato na Síria

Conselho de Segurança debate implementação de resoluções na Síria

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud