Inventores solicitaram 2,7 milhões de registros de patentes no ano passado
BR

14 dezembro 2015

Organização Mundial da Propriedade Intelectual celebra aumento de 4,5% nos pedidos em relação a 2013; Estados Unidos e Japão e Brasil entre os 10 países que mais solicitaram o registro.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Os pedidos de patentes subiram pelo quinto ano consecutivo, de acordo com o levantamento da Organização Mundial da Propriedade Intelectual, Ompi. Os inventores apresentaram 2,7 milhões de propostas no ano passado, segundo a edição 2015 do relatório anual da agência, divulgado esta segunda-feira.

O documento da Ompi traz as últimas tendências sobre propriedade intelectual no mundo. O total de pedidos de patentes no ano passado foi 4,5% maior do que em 2013.

Brasil

O país que lidera a lista é a China, com mais de 928 mil solicitações de registros, seguido dos Estados Unidos, com mais de 578 mil, e do Japão, com 325 mil. Segundo a Ompi, o Brasil foi o décimo país que mais apresentou pedidos de registro de patentes no ano passado, com 30 mil.

Tecnologia da computação foi a área que mais teve pedidos de registro no mundo todo, representando 7,8% do total, seguida de equipamentos eletrônicos, comunicação digital e tecnologia  médica.

Aprovação

Segundo a Ompi, foram concedidas 1,18 milhão de patentes no ano passado, um crescimento modesto de 0,3% em relação ao ano anterior. A agência explica o motivo: o Escritório de Patente do Japão concedeu 50 mil patentes a menos em 2014.

O relatório revela que mais de 10 milhões de patentes estão ativas no mundo todo, a maioria gerada pelos Estados Unidos e Japão.

O Brasil teve o crescimento mais rápido de marcas registradas: 132%. No mundo todo, os cinco maiores setores de marca registradas são agricultura, pesquisa e tecnologia, vestuário, negócios e saúde.

Design

Pela primeira vez em mais de 20 anos, o número total de pedidos ligados à área do design industrial caiu 8,1% em 2014. China, União Europeia e Coreia do Sul foram os que mais fizeram pedidos nesta área.

O balanço da Ompi aponta os setores de móveis, de vestuário, de símbolos e logotipos, de embalagens e de itens de iluminação entre os mais fortes na área de design industrial.

O relatório traz ainda as 100 principais companhias que solicitaram registro de patentes entre 2003 e 2012. No topo da lista estão a japonesa Panasonic, a sul coreana Samsung e as japonesas Canon, Toyota e Toshiba.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud