Fórum da ONU em João Pessoa discute internet e desenvolvimento sustentável
BR

10 novembro 2015

Cerca de 5 mil pessoas devem participar da reunião; porta-voz da conferência falou à Rádio ONU sobre acesso à internet, Agenda 2030 e os principais temas do encontro.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

Aproximadamente 5 mil pessoas, incluindo autoridades de governos, líderes da sociedade civil e especialistas se reúnem pessoalmente ou online no 10º  Fórum de Governança da Internet da ONU, FGI, em João Pessoa, na Paraíba.

O encontro começa nesta terça-feira, 10 de novembro, e vai até sexta-feira. O objetivo é discutir o papel fundamental que a internet deve desempenhar na implementação bem sucedida da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

Internautas

De João Pessoa, o diretor do Centro de Informação da ONU para o Brasil, UNIC Rio, e porta-voz da conferência, Giancarlo Summa, falou à Rádio ONU.

“Nesses 10 anos aumentou muito o número da população mundial que tem acesso à internet, que utiliza a internet. A penetração da internet cresceu de pouco mais de 6% da população global em 2000 para 43% da população global em 2015. Hoje, mais de 3 bilhões de pessoas estão ligadas à rede global. Agora, ainda há, porém, um gap, (uma lacuna) nos países em desenvolvimento ainda, a maioria não tem acesso à internet”.

Temas

O Fórum deste ano aborda oito subtemas, entre eles cibersegurança e confiança,  economia da internet, inclusão e diversidade e acesso.

Outros assuntos são a cooperação multissetorial, internet e os direitos humanos, recursos críticos e questões emergentes.

Giancarlo Summa afirmou que também será discutido o “equilíbrio entre a necessidade de segurança e a necessidade de preservar as liberdades individuais”.

Leia Mais:

ONU avalia rápida evolução das tecnologias de comunicação | Rádio das Nações Unidas

Mark Zuckerberg apoia a Agenda 2030 | Rádio das Nações Unidas