Em Roma, Ban fala sobre o “grande potencial” dos refugiados
BR

17 outubro 2015

Secretário-geral reiterou pedido de liderança compassiva em “era de solidariedade global”; chefe da ONU acompanhou histórias pessoais de residentes de um centro de acolhimento da capital italiana.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O secretário-geral da ONU visitou este sábado refugiados acomodados em Roma, na Itália. Falando a famílias do Centro de Recepção Tenda de Abrão, Ban Ki-moon destacou que no futuro estes podem ser líderes de governos e de comunidades.

O representante revelou que há um grande potencial no grupo que deve ser plenamente utilizado. Com apoio, o chefe da ONU afirmou que os refugiados podem ser contribuintes honrados e talentosos para as suas sociedades.

Esperança

O secretário-geral destacou que as Nações Unidas mobilizam todos os recursos necessários e que por isso foi realizada a reunião de alto nível sobre migração e refugiados, em finais de setembro, à margem da Assembleia Geral.

Ban prometeu continuar a trabalhar junto dos líderes do mundo para dar ao grupo um maior sentido de esperança por um futuro melhor .

O chefe da ONU disse que pediu a vários presidentes e primeiros-ministros europeus que mostrem liderança compassiva, para o que chamou de uma “era de solidariedade global”.

Conflitos

Ban declarou que tem o seu coração pesado com a situação dos refugiados que fogem de conflitos nas regiões do Médio Oriente e África.

Após o encontro com residentes no centro, o representante revelou que foi movido pelas suas histórias pessoais. Ban disse que a mensagem para o grupo de crianças era que não perdessem a esperança, e não se desesperem.

A Itália acolhe mais de 130 mil das cerca de 600 mil pessoas em busca de abrigo que chegaram à Europa este ano. A maioria viajou para o continente em barcos que atravessaram o mar Mediterrâneo.

Leia Mais:

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud