Representante da ONU pede fortalecimento do Escritório de Apoio na Somália

14 outubro 2015

Subsecretário-geral da ONU para Apoio ao Campo, Atul Khare, falou ao Conselho de Segurança esta quarta-feira; insegurança e crise humanitária marcam trabalho em ambiente "significativamente não-permissivo".

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O subsecretário-geral da ONU para Apoio ao Campo, Atul Khare, fez um informe ao Conselho de Segurança esta quarta-feira sobre a Somália.

O representante falou da revisão estratégica do Escritório da ONU de Apoio à Missão da União Africana no país, conhecido como Unsoa. A informação é do porta-voz do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon,

Insegurança e Crise Humanitária

De acordo com Stephane Dujarric, Khare afirmou que “o escritório continua a trabalhar num ambiente significativamente não-permissivo, afetado por insegurança e crise humanitária”.

O porta-voz mencionou ainda que apenas nos últimos 18 meses, o pessoal da ONU ou as suas instalações no país sofreram ataques "cerca de uma vez a cada 10 semanas”.

Atul Khare pediu ao Conselho de Segurança que “fortaleça de forma significativa a capacidade da Unsoa”. O objetivo seria continuar a “apoiar operações militares e o engajamento político na Somália e noutros locais”.

Leia Mais:

Ocha alerta para efeitos graves do El Niño na Somália | Rádio das Nações Unidas

ONU 70: O papel das Nações Unidas para África | Rádio das Nações Unidas

ONU elogia a Somália por ratificar Convenção dos Direitos da Criança | Rádio das Nações Unidas

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud