ONU traz reflexão sobre desenvolvimento sustentável na Semana de África

8 outubro 2015

Agenda do continente e estratégia global até 2030 serão destaque até 16 de outubro; paz, desenvolvimento e direitos humanos também devem estar no topo da agenda de representantes que incluem delegados africanos.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

As Nações Undas realizam uma série de eventos para marcar a Semana de África, entre 12 e 16 de outubro.

O período vai reunir delegados da União Africana e da ONU sob o lema Agenda 2063 e Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável: Passando de Aspirações para a Realidade, em tradução livre.

Agenda Africana 

Em declarações à Rádio ONU, em Nova Iorque, o diretor do Escritório do Conselheiro Especial para África, Raul Cabral, falou da importância de debater na sede da organização a agenda africana para as próximas cinco décadas.

"Temos uma África que está em evolução permanente, temos uma África em ascensão, uma África que está em paz com ela mesmo e está se integrando cada vez mais. Todos esses aspetos nós queremos trazer à relevância, queremos trazer à tona. Foi adotada agora (no continente) o que chamo a mãe de todas as agendas de desenvolvimento, que é a agenda 2063. Nós queremos pôr em relevo esse aspeto, essa agenda."

Integração

As discussões também vão abordar a relação entre a paz e o desenvolvimento, além da importância de entidades regionais e sub-regionais na integração para o desenvolvimento.

"É preciso que haja paz, é preciso que haja desenvolvimento. Não haverá nenhum desses aspetos se não houver o respeito aos direitos humanos. É um aspeto importante que os africanos nas discussões deverão trazer à tona na Semana de África. Virá a questão do papel da mulher e o equilíbrio de género. A África não se poderá desenvolver de forma adequada e sustentável se não houver integração do que constitui mais de metade da sua população."

Conflitos e Paz

Dois relatórios do secretário-geral sobre África serão destacados durante os debates da semana.

A primeira apresentação será sobre a Nova Parceria para o Desenvolvimento Africano e deve ser seguida pelo informe sobre as causas de conflitos, a promoção da paz durável e o desenvolvimento sustentável no continente.

Leia Mais:

Semana da África deve tratar de paz, crescimento e ébola, entre outros temas

Banco Mundial: África Subsaariana vai crescer 3,7% em 2015 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud