Entrevista: Brasil e a concessão de vistos para refugiados do conflito na Síria

7 outubro 2015

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, e o Brasil assinaram um acordo para aprimorar e formalizar a cooperação sobre o programa especial de vistos do país para pessoas afetadas pelo conflito na Síria.

O documento foi assinado pelo alto comissário assistente para Proteção da agência da ONU, Volker Türk, o secretário Nacional de Justiça, Beto Vasconcelos, e a representante permanente do Brasil junto à ONU em Genebra, embaixadora Regina Dunlop.

Em entrevista à Rádio ONU, de Genebra, Vasconcelos afirmou que o “Brasil tem um programa de emissão de vistos especiais humanitários para pessoas afetadas pelo conflito sírio” desde 2013.  Desde então, 8 mil pessoas já receberam estes vistos especiais e foi concedido refúgio a 2,1 mil sírios.

O secretário Nacional de Justiça disse que em setembro este programa foi prorrogado por mais dois anos.

Vasconcelos afirmou ainda que o “governo tem garantido a expedição de documentação tanto civil quanto laboral desde a imediata chegada e solicitação do refúgio”.

Entre outras medidas que estão sendo discutidas, ele mencionou o ensino do português aos refugiados.

Acompanhe a conversa com Laura Gelbert.

Duração: 07’02”

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud