Entrevista: Guiné-Bissau no Conselho de Segurança

28 agosto 2015

O embaixador da Guiné-Bissau junto das Nações Unidas disse que o seu país não deve esperar ter sempre a atenção da comunidade internacional, após uma sessão do Conselho de Segurança que abordou a nação lusófona.

Falando à Rádio ONU após a reunião, João Soares da Gama disse que no território guineense deve haver maior consciência das responsabilidades  políticas perante as gerações vindouras.  Ele disse haver necessidade de "diálogo e da verdade".

O diplomata pediu à comunidade internacional que continue a seguir o processo de desenvolvimento da Guiné-Bissau. Para ele, é preciso um apoio massivo após a crise entre o presidente José Mário Vaz e o primeiro-ministro demitido Domingos Simões Pereira.

Gama  disse acreditar que um apoio forte aliado ao acompanhamento constante podem ajudar a cortar "o mal pela raiz", e ajudar a alcançar avanços diante de mais um momento de instabilidade .

Acompanhe a entrevista a Eleutério Guevane.

Duração: 8'27".

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud