Conselho de Segurança debate organizações regionais e segurança global
BR

18 agosto 2015

Secretário-geral mencionou avanços graças à cooperacão e recomendou diversas formas de envolvimento com outras organizações internacionais; segundo Ban Ki-moon, a África tem 90% dos soldados de paz das Nações Unidas.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

O Conselho de Segurança realiza nesta terça-feira um debate aberto sobre as organizações regionais e os desafios contemporâneos à segurança global.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, destacou que a organização “cada vez mais compartilha a resposabilidade por paz e segurança com organizações regionais”.

África

Falando sobre a África, o chefe da ONU  mencionou o que chamou de "cooperacão prática" entre as Nações Unidas, a União Africana, UA, e a União Europeia, UE.

Ao discursar no evento, Ban recomendou o aumento da capacidade coletiva de gerir, planejar e executar operações de paz tendo como base essa cooperação trilateral.

Soldados de Paz

De acordo com o chefe da ONU, no continente foram implementados quase dois terços das missões da organização e é onde estão quase 90% dos soldados de paz uniformizados.

Ban pediu uma abertura para o envolvimento com outras organizações citando, entre outras, a Associação de Nações do Sudeste Asiático, Asean, a Organização do Tratado de Segurança Coletiva, Csto, a Liga Árabe, a Organização do Tratado do Atlântico Norte, Otan, e a Organização da Segurança e Cooperação na Europa, Osce.

Homenagem

Ban saudou a  coragem de soldados que perderam a vida pela causa da paz. O secretário-geral sublinhou que a melhor homenagem a essas pessoas é criar "uma paz duradoura" onde elas serviram.

Como lições das parcerias com organizações regionais, o chefe da ONU falou do aprendizado em gerenciar as transições das operações regionais para as missões de manutenção da paz das Nações Unidas.

Ban destacou também que os direitos humanos devem sempre estar na linha de frente das operações.

*Apresentação: Laura Gelbert.

Leia Mais:

Na ONU, União Africana revela lições aprendidas com surto de ébola

Vice-chefe da ONU participa na Cimeira da União Africana em Joanesburgo 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud