Ban expressa tristeza com mortes em explosões na China
BR

13 agosto 2015

Secretário-geral enviou pêsames às famílias das vítimas incluindo dos bombeitos que “fizeram o sacrifício final”; o chefe das Nações Unidas prestou homenagem a todos os envolvidos na resposta de emergência.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral ficou “profundamente entristecido” ao saber da perda de vidas e do ferimento de dezenas de pessoas como resultado das explosões em Tianjin, na China.

A informação foi dada a jornalistas pelo seu porta-voz nesta quinta-feira, em Nova York.

Bombeiros

Segundo agências de notícias locais, as explosões causaram a morte de pelo menos 50 pessoas.

Ban Ki-moon extendeu seus pêsames às famílias das vítimas, incluindo os bombeiros que fizeram “o sacrifício final”.

Stephane Dujarric afirmou ainda que Ban “expressou condolências à população e ao governo da China e prestou homenagem a todos os envolvidos na resposta de emergência”.

Leia Mais:

Consumo privado na China movimenta quase US$ 3,5 trilhões por ano