Em conferência telefónica, chefe da ONU e líderes africanos debatem o Burundi

3 agosto 2015

Secretário-geral discutiu o tema em reunião com mediador e presidente do Uganda além da presidente da União Africana; decisão é que abordagem para lidar com crise deve continuar coordenada, próxima e unificada.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A crise no Burundi foi tema de uma teleconferência mantida esta segunda-feira entre o secretário-geral das Nações Unidas e líderes africanos.

Na conversa participaram Ban Ki-moon, o presidente ugandês Yoweri Museveni, e a presidente da Comissão da União Africana Nkosazana Dlamini-Zuma.

Preocupação

Ban reiterou a sua firme condenação ao assassinato do general burundês Adolphe Nshimirimana no fim de semana.  A viatura do proeminente comandante militar foi alvo de tiros e de foguetes na capital Bujumbura, segundo agências de notícias.

Na reunião telefónica, os participantes expressaram a sua preocupação com as implicações do evento para a segurança no Burundi.

Na conversa, o chefe da ONU manifestou o seu total apoio aos esforços do presidente Museveni para facilitar um diálogo político inclusivo no país. O líder ugandês foi apontado pela Comunidade da África Oriental para mediar a crise.

Governo de Unidade

O secretário-geral apelou para a rápida retomada do diálogo com vista a aliviar as tensões e abrir caminho para a formação de um governo de unidade nacional.

As Nações Unidas anunciaram que com a Comunidade da África Oriental e a União Africana vão trabalhar numa abordagem "coordenada, próxima e unificada" para a busca de uma solução sustentável para a crise burundesa.

Leia Mais:

Burundi: Ban revela grande apreensão após assassinato de proeminente general

ONU: ambiente global não propiciou "processo eleitoral inclusivo" no Burundi

Ban apela à manutenção da calma após votação no Burundi

Em dia de eleições no Burundi, secretário-geral pede clima pacífico

Burundi: relatores querem ação do Conselho de Segurança

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud