Operações na RD Congo contra FRPI mostram-se “eficazes”, afirma Klober

14 julho 2015

No Conselho de Segurança, representante especial da ONU no país falou sobre ações contra Frente de Resistência Patriota em Ituri; Martin Klober diz que prioridade é garantir que rebeldes entreguem suas armas de forma voluntária.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque. 

O Conselho de Segurança ouviu esta terça-feira o representante da ONU na República Democrática do Congo e chefe da missão da organização no país, Monusco.

Martin Kobler declarou que as operações do exército congolês contra a Frente de Resistência Patriota em Ituri, Frpi, têm sido eficazes. As medidas são apoiadas pela Monusco.

Luta Conjunta

No Conselho, o chefe da missão explicou que tais operações são as mais adequadas desde a queda do M23 e demonstram a “capacidade de esforços coletivos”.

Segundo Kobler, a prioridade é garantir que o desarmamento do Frpi ocorra de forma voluntária e a Monusco está a apoiar negociações que permitam a reintegração dos combatentes à vida social.

Rendição

O representante da ONU deixou claro, entretanto, que o uso da força provou ser inevitável recentemente, quando helicópteros da Monusco apoiaram uma ofensiva em terra do exército congolês contra a Frpi.

Desde 3 de junho, os esforços conjuntos do exército e da Missão da ONU conseguiram neutralizar um quarto da força da Frpi. Kobler ressaltou que o trabalho não está finalizado, uma vez que a meta é convencer que todos os combatentes se rendam.

O chefe da Monusco voltou a sublinhar que o governo congolês fez vários progressos para restaurar a paz nos últimos 10 anos. Mas Kobler lembrou que em muitas partes do leste da RD Congo, a população continua à mercê de grupos armados, com incidentes contínuos de assassinatos, estupros e furtos.

Leia Mais:

Fida empenhado em ajudar o sector agrícola da RD Congo

Clip: General Carlos Alberto dos Santos Cruz na ONU | Rádio das Nações Unidas

Mais de 40% da população da África Subsaariana vive na extrema pobreza | Rádio das Nações Unidas