ONU lança relatório sobre Objetivos de Desenvolvimento do Milênio
BR

6 julho 2015

Divulgação é nesta segunda-feira; conjunto de metas foi estabelecido em 2000 e prazo termina este ano; objetivos envolvem, entre outros, educação, saúde e combate à fome; nova agenda de desenvolvimento sustentável, pós-2015, deve ser adotada na sede das Nações Unidas, em setembro.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, lança nesta segunda-feira o relatório 2015 dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, ODMs.

São oito objetivos, cada um com uma ou mais metas. O prazo para o cumprimento é até o fim deste ano.

Pobreza Extrema

No ano 2000, 189 nações firmaram um compromisso para entre outras questões, combater a extrema pobreza, o que levou ao estabelecimento dos ODMs. Em setembro de 2010, o compromisso foi renovado para acelerar o progresso em direção ao cumprimento desses objetivos.

O primeiro é a erradicação da pobreza extrema e da fome, com metas de reduzir à metade, entre 1990 e 2015, o número de pessoas que passam fome e que têm renda inferior a U$S 1,25 por dia. O valor é equivalente a cerca de R$ 3,90.

Educação, Igualdade e Saúde

O documento busca também atingir o ensino básico universal; promover a igualdade entre os sexos e empoderar as mulheres; reduzir a mortalidade infantil; melhorar a saúde materna e combater o HIV/Aids, a malária e outras doenças.

O objetivo 8 é estabelecer uma parceria mundial para o desenvolvimento.

Sustentabilidade

O Objetivo de Desenvolvimento do Milênio 7 é garantir a sustentabilidade ambiental. Entre suas metas está reduzir pela metade, até 2015, a proporção da população sem acesso sustentável a água potável segura e saneamento básico.

A nova agenda de desenvolvimento sustentável pós-2015, com novo conjunto de objetivos, deve ser adotada em setembro, na sede das Nações Unidas, em Nova York.

Leia Mais:

OMS: resultados globais sobre progressos das metas de saúde são mistos

Falta 1,4 milhão de professores para atingir o ensino básico universal

Países desenvolvidos precisam acelerar doações para cumprir ODM

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud